PESQUISA

Participe da votação sobre os melhores canais de divulgação científica em português na internet.

domingo, 8 de maio de 2011

Padecendo no paraíso

ResearchBlogging.org
O sapo-pipa (Pipa spp.), também conhecido como aru, cururu-de-pé-de-pato ou sapo-surinã, vive na região Amazônica e, apesar de se chamar sapo-surinã ou, em inglês, Surinam toad, é encontrado não apenas na ex-Guiana Holandesa, mas também na Bolívia, no Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Guiana Francesa, Peru, Venezuela e até na ilha caribenha de Trinidad e Tobago.

Seu corpo achatado dá uma aparência de folha morta (figura 1).

Figura 1. Pipa pipa. Fonte: Wikimedia Commons.

Uma das características mais marcantes é o modo de reprodução. O macho não vocaliza como a maioria dos anuros para atrair a fêmea, o som produzido é um estalo resultante do repetido choque do osso hióide contra sua garganta. Macho e fêmea envolvem-se em um amplexo que pode durar até 30 horas, com a fêmea liberando algumas dezenas de ovos (em P. carvalhoi foram contados até 200 ovos - Weylgoldt 1976 apud Buchacher 1993). Os movimentos do macho faz com que os ovos acabem enterrados na pele da fêmea. É aí que as larvas eclodirão e se desenvolverão em pequenos sapinhos que emergem das bolsas formadas na pele da mãe. (Video 1, Rabb & Rabb 1960.)


Vídeo 1. Emergência dos filhotes de P. pipa da pele dorsal da mãe.

Parecem pequenos gremlins/mogwais saindo das costas maternas. Algo reminescente a uma lenda grega da Atena surgindo já adulta formada da testa de Zeus.

Referências
Buchacher, C. (1993). Field studies on the small Surinam toad, Pipa arrabali, near Manaus, Brazil Amphibia-Reptilia, 14 (1), 59-69 DOI: 10.1163/156853893X00192

Rabb, G., & Rabb, M. (1960). On the Mating and Egg-Laying Behavior of the Surinam Toad, Pipa pipa Copeia, 1960 (4) DOI: 10.2307/1439751

2 comentários:

Roberto G. S. Berlinck disse...

Sapo cururu
Na beira da rio
Quando o sapo grita, maninha
É que está com frio.

Olha quanto sapo
Olha quanta gia
Na beira do rio, ó maninha
Fazendo folia.

A mulher do sapo.
Já foi lá prá dentro
Preparar a roupa maninha
Para o casamento.

none disse...

Rá,

Eu pensaria na marchinha: "A pipa do vovô não sobe mais".

[]s,

Roberto Takata

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails